Blog/Opinion

Os impactos da mudança climática nas populações em situação de rua após a pandemia

Authors:
LUIZ AUGUSTO GALVÃO
Mariya Bezgrebelna
Sean Kidd
Nísia Trindade Lima
Source:
Centro de Estudos Estrategicos da Fiocruz
Contributor:
Publication Year:
2021
  • SDG 3 - Good Health and Well-Being
  • SDG 7 - Affordable and Clean Energy
  • SDG 12 - Responsible Consumption and Production
  • SDG 13 - Climate Action

A noção de que crises sanitárias afetam de forma injusta e desproporcional as populações vulneráveis ganhou concretude durante a maior crise sanitária deste século, devidamente observada e documentada. Estudos demonstraram que a distribuição da Covid-19 ocorre de maneira desigual entre diferentes grupos étnicos e socioeconômicos (Horta, 2020 e Wang, 2020)[i],[ii] e sinalizam para a importância do preconceito e do racismo sistêmico como elementos que, ao entrelaçarem-se com os fatores biológicos, comportamentais e ambientais, conduzem as pessoas a uma situação de vulnerabilidade social inequitativa (Gray, 2020)[iii].

população rua_pixabay

O reconhecimento das populações vulneráveis como prioridade durante a crise sanitária deu origem a iniciativas emergenciais de assistência médica e social que buscaram mitigar a situação. No entanto, as populações em situação de rua, um dos grupos que sofreram com a Covid-19, continuarão sofrendo com as novas crises sanitárias derivadas de novos eventos como aqueles associados à crise climática.

Share

Suggested Articles

Adolescents+2 more topics
📣 Calling all #youth in the #AsiaPacific Region and beyond! Our friends at Youth Co:Lab are hosting the hybrid #YouthCoLab Summit 2022 this summer July 4-7, 2022 🤩 This year's Summit aims to highlight, encourage and celebrate the role of young people in the #DecadeofAction, while showcasing and...
Contributor:
44 Likes